Sem muro

5 jun • NotasNenhum comentário em Sem muro

 A conceituada publicação inglesa The Economist acredita que a política britânica precisa de um partido aberto, centrista e favorável ao livre mercado, e deu apoio formal ao partido Democrata Liberal nas eleições antecipadas no Reino Unido, fazendo, ao mesmo tempo, um duro ataque ao Partido Trabalhista: “Sob a liderança de Jeremy Corbyn, o Partido Trabalhista caminha para trás, em direção às políticas falhas de extrema esquerda dos anos 1970.”

 O porém de sempre: “É uma escolha difícil para esta publicação, que vê poucos sinais dos nossos valores liberais clássicos de livre mercado em ambos os principais partidos”, escreveu a The Economist. Jornais e revistas europeus e americanos importantes costumam tomar posição clara em assuntos delicados, mesmo com potencial de desagradar leitores. Não ficam em cima do muro, querendo agradar todo mundo, e acabam não agradando ninguém. Este é um fenômeno tipicamente latino.

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

FacebookTwitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »