…essa ilustre desconhecida

8 mai • NotasNenhum comentário em …essa ilustre desconhecida

 Certo, este país está sentado em cima de um vulcão, mas com perfurações em torno de 5 mil metros, metade do planeta pode usar essa tecnologia. Ainda há entraves técnicos na perfuração, mas há progressos. O esquema é simples usa água aprisionada no subsolo ou da superfície, a injeta nas rochas quentes por tubulações e o vapor resultante sobe e aciona turbinas.  No fim é a velha história: a dor ensina a gemer. Antes do petróleo acabar, teremos como substituí-lo, menos em uma coisa: a petroquímica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »