Eficiência gringa

11 ago • Sem categoriaNenhum comentário em Eficiência gringa

 Você que come em bufês já deve ter notado que boa parte deles tem nome italiano, variações tipo Sapore Mio, Nostro Sapore e por aí vai. Não se sabe quantos existem em Porto Alegre, mas existe uma rede que tem 65 bufês espalhados nos pontos mais estratégicos da cidade. A rede chama-se Arpoa, Associação de Restaurantes de Porto Alegre. Não existe um dono, são várias famílias todas elas com origem em Carlos Barbosa, embora algumas possa ter mais de um restaurante.

 Em comum, eles têm várias coisas, além da origem do município da Serra. Quando a família opera mais de um bufê, todos pegam junto – o pai trabalha em uma, a mãe em outra, filhos numa terceira. Notável é a estratégia, o motivo de terem criado a Arpoa: baratear custos comprando em conjunto. Por exemplo, já imaginaram quantos quilos de feijão são preparados pelas 65 casas, e o desconto que ganham comprando em grande volume? Vale para frutas, verduras, arroz etc.

 Mas há outra rotina que acho bonito neles. Nos finais de semana, eles voltam à sua terra natal e confraternizam entre si ou com amigos e parentes. A família, sempre a família, é a grande aglutinadora. Lares desfeitos, bronca certa.

 Uma última observação: Carlos Barbosa faz parte da Grande São Vendelino, cidade onde nasci como vocês sabem.

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

FacebookTwitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »