A associação do Jesus

2 jan • A Vida como ela foiNenhum comentário em A associação do Jesus

Feriadões de Natal e Ano Novo mais as férias de verão são um bálsamo para quem fica em Porto Alegre. Tal como as manadas de gnus, os humanos vão aos magotes para o Litoral ou outros destinos, deixando as ruas com trânsito bem mais tranquilo. E nós teremos dois meses de relativa calma. Foi para propagar a ideia de que cidade vazia é o melhor dos mundos que o falecido publicitário Jesus Iglésias fundou, no final dos anos 1970, a APA – Associação de Amigos de Porto Alegre, da qual ele foi eleito presidente por aclamação.

A APA não tinha sede, estatutos, anuidades ou mensalidades, nem mesmo contava na lista telefônica. Ao que eu saiba, foi a única entidade que viveu apenas no espírito. Jesus convidava colegas, jornalistas e depois civis para integrar a associação. Nunca se recenseou os sócios, até porque não havia nenhum registro de entrada – ou saída – da APA.

O espírito da coisa era curtir, divulgar e frequentar bares e restaurantes que permanecessem abertos durante dois meses, o que nem sempre é comum nesta ainda provinciana Porto Alegre. Alguém dava o alarme e mesmo sem whats, e-mail ou Face de hoje, a notícia se propagava como um raio. Jesus, claro, era sempre o primeiro a ser informado ou partia dele a notícia.

Saudade do Jesus Iglésias. Acho que alguém poderia recriar a APA usando as redes sociais para informar bons lugares cujos donos não tiraram férias e não migraram para pastagens mais verdes como os gnus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »