Porque hoje é sexta

6 set • Caso do Dia, NotasNenhum comentário em Porque hoje é sexta

floresta na ilha do pavão

Porque hoje é sábado é nome de poema de Vinicius de Moraes. Longe de mim copiar o poetinha, mas eu criei um similar para sexta-feira. Foi mais uma semana cheia e não-boa (meio copo cheio) ou ruim (metade do copo vazio). Portanto, vou arejar este espaço assim como se abre as janelas da casa da praia depois de longo e tenebroso inverno. Essa foto aí de cima, diga de qual lugar, estado ou região é. Parece um rio ou lago escondido. Mas não é. Descobriu?

O VICE DO VERSO

Não precisa se avexar. Você e 99% da população provavelmente nunca estiveram lá. Então aqui vai outra imagem que certamente será reconhecida por parte da população gaúcha. Vamos então à segunda foto, obtida do lado oposto da ilha. Que é a Ilha do Pavão, sede do Grêmio Náutico União. Por entre promessas coloridas de primavera, vê-se ao fundo o concreto armado e esticado de Porto Alegre. Que fica a poucos quilômetros do paraíso.

flores da primaveraA ADMIRAÇÃO DE SEU ADEMAR

Contam que o prefeito paulistano Ademar de Barros não conhecia Porto Alegre. Então, na primeira vez que veio, ficou admirado ao ver da janela do avião na reta final da pista do Salgado Filho. Então se virou para um assessor.

– Ah, se eu tivesse um Guaíba em São Paulo…

A CIDADE DO NÃO

Pois é. E as tentativas feitas para revitalizar o Cais Mauá do porto até agora deram com os burros n’água. O assunto está como minhoca na ponta do anzol. E nenhum peixe grande de verdade morde a isca. Houve vários grupos, alguns claramente aventureiros, outros que simplesmente não conseguiram investidores. Mas o verdadeiro culpado é o poder público dos três níveis.

BATRÁQUIO ENTERRADO

Uma mistura de má vontade – inclusive ideológica – com toneladas de burocracia mais movimentos de proteção às baratas e ratos que infestam os armazéns impediram que o projeto avançasse. Agora, os atuais investidores, com bala na agulha e bem intencionados conversam com a Justiça. Tem sapo grande enterrado no cais.

O BRASIL QUE FUNCIONA

No próximo dia 10, terça-feira, a advogada Laura Mattos palestrará sobre o tema “Possibilidade de Pactos Sucessórios no Direito Brasileiro?”, a partir das 12h, no quarto andar do instituto. A entrada é sempre aberta. Mais informações no telefone 51-3224-5788.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »