Paris, Niterói

7 out • A Vida como ela foiNenhum comentário em Paris, Niterói

Do repórter Jorge Moreno, de São Paulo. Já no fim de seu Governo, Sérgio Cabral conversava com um deputado que sugeria pequenas mudanças urbanísticas que, a seu ver, causariam efeito positivo em Niterói, como causaram em várias cidades francesas.

– Governador, morei dois anos em Paris e vi como as praças…”

Cabral o interrompeu:

– Paris? Que inveja!

E começou a listar os pontos parisienses de que mais gostava. O deputado puxou conversa, disputando quem conhecia mais pontos interessantes de Paris, até que um terceiro perguntou:

– Vamos voltar a Niterói?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »