Parada

21 nov • O Brasil que funcionaNenhum comentário em Parada

A CMPC faz uma parada programada de manutenção preventiva e inspeções periódicas das operações da Linha 1 em Guaíba. Vai até o dia 28. Cada uma das caldeiras processa em torno de 35 mil toneladas de celulose por mês. O custo será de R$ 38,8 milhões. Para se ter uma ideia da complexidade da operação, serão contratados 2,1 mil profissionais de cerca de 60 empresas prestadoras de serviço.

“O sucesso de uma parada geral significa zero acidente com pessoas, zero impacto ambiental, custos dentro do previsto, cumprimento do cronograma e zero retrabalho”, explica afirma Dorival Almeida, diretor industrial da CMPC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »