Notas

12 mar • NotasNenhum comentário em Notas

          Loucuras no trânsito

Diferentes posturas e comportamentos são facilmente identificados em condutores de veículos, dizem os especialistas. Sabemos disso no cotidiano, porque vemos casos de estupidez no trânsito todo santo dia. Trocar de faixa desnecessariamente e sem acionar o pisca, ganhar alguns metros do carro vizinho, sabendo que a rua estreita logo adiante, abrir a curva à esquerda antes de dobrar à direita são casos clássicos. Todos os forasteiros concordam que o motorista gaúcho é o pior do Brasil.

          Medo ao volante

Entre tantos perfis, um em especial merece atenção: aqueles que têm pânico ao dirigir, encarando essa atividade corriqueira como um momento de pressão e estresse. De acordo com a Associação Brasileira de Medicina de Trânsito (Abramet), dois milhões de brasileiros não dirigem por medo.

          Carro é arma

A regra número 1 no trânsito, pelo menos em Porto Alegre, é a cavalice, seguidos da imperícia, imprudência e desatenção.

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

FacebookTwitter

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »