A conversão

16 out • Caso do Dia, NotasNenhum comentário em A conversão

Não tem como descrever sem achar graça a reviravolta ideológica de Fernando Haddad. Pelo menos na aparência. Agora está fazendo miminho em Fernando Henrique Cardoso e só falta fazer bilu-bilu nos tucaninhos ainda no ninho. Naturalmente, pedindo que o ex-presidente e divindade não-unânime abra seu voto e trabalhe para que a tucanada vote no petista neste segundo turno. Nunca se viu coisas igual na esquerda brasileira, PT em especial. Os puros do partido devem estar (mais) vermelhos.

Anauê!

Em 1958, o governador gaúcho Leonel Brizola fez uma aliança com os integralistas de Plínio Salgado através do PRP, Partido da Representação Popular. O pacto foi muito além daquela eleição. A amizade colorida durou vários governos, e sempre a sigla ganhou pelo menos a Secretaria da Administração do governo do Rio Grande do Sul. Tal como hoje, os trabalhistas do então PTB justificavam a estranha aliança esgrimindo o espadim da governabilidade. Hoje, o PT vai além, abraça a promiscuidade que nem mesmo Lula ousaria fazer.

0 a 100 em três segundos

O mais notável foi a velocidade com que se deu essa conversão. Foi em poucos dias, imagino que acelerada pelo preso mais ilustre deste país. Como disse o ex-ministro e candidato Henrique Meirelles, não parece lógico que um candidato receba ordens de um preso. Mas quem disse que vivemos em tempos lógicos?

A castidade

Lembrei de uma passagem de Santo Agostinho, que não era flor que se cheirasse até ser tocado pelo Deus cristão. A folhas tantas ele escreveu “Senhor, faze-me casto, mas não agora”. É bem o caso.

Em boca fechada…

…não entra mosca. O vice e os cotados a vice de um eventual governo Jair Bolsonaro também andam dizendo coisas estranhas à democracia. Não tem nem a desculpa de que são pessoas com pouca prática em lidar com a imprensa, ou pior, pensar em voz alta coisas que ninguém diria ao vivo. Principalmente, egressos dos meios castrenses, os quartéis. Cascas de banana têm o poder de causar tombos monumentais.

Arriba España

festa espanhaA Sociedade Espanhola de Bagé sediou, em ocasião de seus 150 anos, a Festa Nacional da Espanha, na última sexta-feira, 12 de outubro. A comemoração contou com a presença do Cônsul-Geral da Espanha em Porto Alegre, Francisco de Asís Benítez Salas, do Diretor do Instituto Cervantes em Porto Alegre, José Vicente Ballester, da Vice-Cônsul honorária da Espanha em Bagé, Guillermina Morales.

Vizinhança na Calçada lança campanha #temmeurespeito

tEM MEU RESPEITO

Após perceber que a polarização no primeiro turno das eleições acabou com amizades antigas e fez muita gente ser grosseira com colegas e vizinhos, o grupo Vizinhança na Calçada lança a campanha #temmeurespeito. A proposta é promover a valorização de quem pensa e vota de forma diferente.

Para participar, basta enviar um foto com alguém que quer eleger o candidato oposto ao seu, com uma frase dizendo porque aquela pessoa merece sua admiração, usando a hashtag: #temmeurespeito. Para obter mais informações, clique aqui.

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

FacebookTwitter

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »