O equívoco

5 out • A Vida como ela foiNenhum comentário em O equívoco

Depois da cerimônia religiosa, casalzinho passa a noite de núpcias em uma pousada no interior dos interiores, silenciosa, sem barulho de carros. De manhã cedo, a noiva cutuca o marido.

– Benhê, preciso te confessar uma coisa que nunca te falei antes por vergonha. Eu tenho asma.

O marido pula da cama, sorridente.

– Ah, então é isso? Que alívio! Achei que passaste a noite me vaiando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »