Curto circuito

1 dez • Caso do Dia, NotasNenhum comentário em Curto circuito

A despesa com o lanche deu R$ 10,50. Dei uma nota de 20 e uma de 2 para a caixa, perguntando se facilitava o troco. Ela olhou, olhou, desgrudou o relé e disse que não precisava, estava bem de troco. Deu para ver que na gaveta só tinha duas moedas, uma de 1 real e outra de 0,50. De cédula, só de 10 e 20. Não precisava, é? Ou não sabes fazer contas?

Quem cuida do cuidador?

Toneladas de hortifrutigranjeiros, biscoitos e carnes estampam, cada vez mais, a palavra mágica “orgânico” nos rótulos e embalagens. Sabendo-se que, para ter esta certificação, é necessário que o solo onde o boi pasta e o João das couves planta não tenha recebido defensivos e adubos químicos por dois ou até mais anos. Quem, como e em que frequência é feita a fiscalização na origem e nos próprios produtos?

Culpa da Índia

Gosto de polvilhar canela no expresso, e quase todas as cafeterias oferecem esse plus. Você bota a quantidade desejada. Mas em uma delas o café chega na mesa já com a canela em pó. Achei o cheiro meio estranho, mas não era ruim de todo. Até que matei a charada: era cravo da índica em pó.

Jornal do Comércio

Leia e assine o JC clicando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »