Uma ave muito inteligente

5 mai • Caso do DiaNenhum comentário em Uma ave muito inteligente

galinha é uma ave inteligente

 Se você acha como eu achava que a galinha é burra, pensou mal. Elas são inteligentes, são capazes de sentir tédio, frustração e felicidade. Podem se comunicar com as outras e são capazes até de manipular as colegas de forma maquiavélica. Pelo menos é o que garante um estudo dos americanas Lisel O’Dwyer e Susan Hazel, divulgado pelo UOL.

 O que é a natureza. Eu sempre imaginei que eles tinham noções de propaganda, anunciam o ovo cacarejando. A Voz do Galinheiro, digamos. Quem me lê sabe que sempre admirei estas aves – sim, são aves – não só pela carne que se come em todo o mundo, mas também pelos ovos. Do ponto de vista estético, o ovo é perfeito. Já sugeri que a ONU faça um Monumento à Galinha Desconhecida, seria justa homenagem.

 Quanto a falar entre si, deve ser como o dialeto urdu do Iraque, pela entonação a mesma palavra pode ter vários significados. Aquele poooc-pooc-pooc sempre me pareceu suspeito. Quando dava milho para elas no pátio do meu tio Sireno Selbach, lá em São Vendelino, tinha impressão que caçoavam de mim.

 Por isso tudo, é questão de tempo para que elas se unam e promovam uma greve geral, tipo galinha unida jamais será vencida. Não botarão mais ovos se não forem tratadas com dignidade. Nada de panela. Galinha marxista, era só o que nos faltava.

 Imagino que outra reivindicação seja quanto aos ovos de Páscoa. Afinal, o coelho não bota ovo, mas leva a fama. Vão querer direitos autorais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »