A inversão

19 jan • A Vida como ela foiNenhum comentário em A inversão

O causo de hoje fica por conta do amigo e leitor o advogado Antônio Carlos Côrtes.

Anos 60/70. Eu era jovem e ilustre desconhecido. O melhor comentarista esportivo da época era Antônio Carlos Porto (Portinho). Algumas vezes quando perguntavam meu nome para preencher formulários, informava: Antonio Carlos CÔRTES.

Na hora de assinar verificava que haviam grafado Porto ao invés de CÔRTES.

Passaram-se os anos e, Portinho deixou a crônica esportiva. Eu, atuando em rádio, jornal e televisão. Estava  pouco mais conhecido. Ambos atuando na ARI, ele no Conselho Deliberativo e eu na área jurídica ou Conselho Fiscal.

Um dia contei a ele a história da grafia que antigamente davam ao meu nome.

Ele com aquela calma e sorriso largo disse:

        – Pois é… agora inverteu. Grafam meu nome com sobrenome CÔRTES.

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

FacebookTwitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »