Se meu Opala falasse…

6 mar • NotasNenhum comentário em Se meu Opala falasse…

 Quando fui assessor de Marketing de uma grande empresa de crédito imobiliário, ouvi, a bordo de um Opala trafegando pela Consolação, um paulista quatrocentão confessar que ele subornava secretárias de repartições federais e o boy que tirava cópias xerox das licitações com cestas de Natal mais caprichadas. O mesmo mimo que dava para alguns poucos generais.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »