Perigo real e imediato

9 ago • Caso do Dia, NotasNenhum comentário em Perigo real e imediato

Quando o presidente Bolsonaro avisou que o auxílio emergencial não poderia continuar por muito tempo, sabia bem o motivo. O risco fiscal já contaminou o dólar quando no exterior o movimento é o contrário. Dinheiro não cai do céu, muito menos dinheiro do governo. Rodar a maquininha da Casa da Moeda tem limite.

www.canoas.rs.gov.br/coronavírus

Serra da boa esperança

Como na música de Sílvio Caldas. A bandeira deverá permanecer laranja na região na próxima semana. Dentro do Modelo de Distanciamento Controlado do Governo do Estado, a Serra está com um índice de 1,23, abaixo do 1,50, que divide a laranja da vermelha. Para se ter uma ideia, na semana passada o índice era de 1,64 – o que representava bandeira vermelha, mas que foi alterada depois de um recurso da associação dos municípios da região.

https://www.banrisul.com.br/?utm_source=fernando_albrecht&utm_medium=blog&utm_campaign=meios_pagamento&utm_content=centro_600x90px

Fumante ou não fumante?

Nos relatórios sobre o número de infectados e mortos poderia constar se a pessoa é fumante ou foi  e ou não. Isso poderia constar nas comodidades, porque atinge direto o pulmão, entre outros estragos.

Pelo telefone

Se normalmente as pesquisas eleitorais já têm uma margem de erro considerável, as próximas tendem a ampliar mais ainda a incerteza. Se a pandemia não arrefecer e o isolamento for mantido até as eleições, os trabalhos de campo onde se procura pessoas com renda, gênero e idade  pré-definidos, agora serão por telefone e talvez sem estes perfis. Mente-se mais fácil pelo telefone.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »