• O Brasil que funciona

    unnamed

    Publicado por: • 12 ago • Publicado em: O Brasil que funciona

    Parceria entre BRDE e Agência Francesa de Desenvolvimento viabiliza projetos sustentáveis. O Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) assinou, em evento virtual nesta terça-feira (11/8), o segundo contrato de financiamento com Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD), no valor de 70 milhões de euros – cerca de R$ 425 milhões. Os recursos serão destinados a projetos alinhados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) definidos pelas Nações Unidas (ONU) na Agenda 2030 dos três Estados do Sul.

    Presente na cerimônia, o governador Eduardo Leite destacou que a medida se soma às ações de desenvolvimento econômico que estão sendo realizadas no RS. “Aqui no RS temos investimentos em projetos pioneiros e sustentáveis. Essa nova parceria vai possibilitar novos financiamentos de alto impacto social e ambiental através do nosso BRDE, consolidando a nossa carteira verde, social e sustentável no RS e viabilizando investimentos privados conectados com essa visão de responsabilidade com próximas gerações”, afirmou Leite.

    Também participaram da assinatura o governador de Santa Catarina, Carlos Moisés; o vice-governador do Paraná, Darci Piana; o diretor da AFD no Brasil, Philippe Orliange; Olivier da Silva, encarregado de Negócios da Embaixada da França; o diretor-presidente do BRDE, Luiz Corrêa Noronha;W ilson Bley Lipski, vice-presidente e diretor de Operações do BRDE, e Marcelo Haendchen Dutra, diretor Financeiro do BRDE.

    De acordo com o diretor-presidente do BRDE, o primeiro contrato, assinado em 2019, previa 50 milhões de euros a serem executados até 2021. Em dois anos, afirma, quase todo o valor já foi empregado, o que levou a essa segunda etapa com a AFD.

    “Inovamos na primeira linha de crédito ao focar em empreendimentos sustentáveis e, agora, evoluímos, não só no valor, que subiu para 70 milhões de euros, mas também mantendo investimentos sustentáveis que sejam aderentes aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Além disso, priorizamos as áreas de saúde, educação e patrimônio cultural”, destacou Noronha.

    Foto: Gustavo Mansur / Palácio Piratini

    Publicado por: Nenhum comentário em O Brasil que funciona

  • Milagre na praia

    Publicado por: • 11 ago • Publicado em: A Vida como ela foi

    Porto Alegre é uma dessas cidades que esvaziam durante os finais de semana no verão. Pois nas décadas de 1950 em diante, até a antes da Idade Moderna, os jornais tinham dificuldade em achar manchetes nas segundas-feiras. Foi o caso de um tórrido domingo de verão que o falecido Diário de Notícias trouxe a hora do espanto.

    A foto de capa era um pinguim, e a manchete era “Apareceu um pinguim em Torres!” Com exclamação e tudo.

    E deve ter sido um foca vindo do Saara que a redigiu. Não bastasse esse despautério, na linha de apoio, logo abaixo da manchete, lia-se o seguinte:

    –  Sabe Deus de onde veio esse bicho!

    Contam que rodaram centenas de exemplares até que um linotipista mais atilado se deu conta da besteira e parou as máquinas.

    Publicado por: Nenhum comentário em Milagre na praia

  • Eco do Eco

    Publicado por: • 11 ago • Publicado em: Caso do Dia, Notas

    Em um dos livros de Umberto Eco há uma passagem que nunca esqueci. Posso ter esquecido o nome do livro, mas não dela. Dizia que deveríamos achar um cantinho no inferno e tentar passar desapercebido o máximo possível.

    https://www.banrisul.com.br/bob/link/bobw27hn_promocao.aspx?secao_id=3739&campo=25503&secao_principal=2922103%20%20&utm_source=fernando_albrecht&utm_medium=blog&utm_campaign=banrifast&utm_content=centro_600x90pxVAI E VOLTA

    Economize televisor, não precisa ver novela. Basta acompanhar o que está se passando em Porto Alegre. Um dia abre comércio, alguém manda fechar, abre de novo, e assim vão uns e outros mudando de dia o que foi acertado de noite e vice-versa.

    EM SE MADRUGANDO, DÁ

    O Rio Grande do Sul é o único lugar do mundo onde se inaugurou um segundo expediente. Aliás, até um terceiro. Além de decretos, liminares e normativas de manhã, de tarde e de noite, as madrugadas também encontram laboriosos funcionários públicos e servidores graduados trabalhando a todo vapor.
    www.canoas.rs.gov.br/coronavírus
    Nunca se diga que aqui servidor público não trabalha, um falso estereótipo.

    OITO OU OITENTA

    O noticiário doméstico está tão tudo a mesma coisa que a crise política no Líbano, derivada da mortífera explosão, devido à má fiscalização de depósito com material perigoso, é capa e manchete. Não que seja de pouca importância, mas por ser a única novidade real em meses.

    Ao longo das últimas décadas, a globalização da informação levou a um mantra nas redações: tudo sobre a China, nada sobre a esquina.

    É que não tem mais repórter na esquina.

    NA MARRA

    Fenômeno não existe. E a consequência de um processo lógico não acompanhado ou detectado no início. Por exemplo: algumas lojas do Centro de Porto Alegre abriram ontem de manhã apesar da proibição. Não é fenômeno. E desespero lógico.

    Quando a Guarda Municipal viu, foi em cima e obrigou a cerrar as portas. Nos bairros isso também aconteceu, com a diferença que não há número de fiscais suficientes para toda a cidade. Então a lógica é que casos assim vão se multiplicar se não afrouxarem a chincha.

    Publicado por: Nenhum comentário em Eco do Eco

  • Pensamento do Dias

    Publicado por: • 11 ago • Publicado em: Caso do Dia

    Se estou firme? Digamos que estou mais firme que  prego em polenta.

    Publicado por: Nenhum comentário em Pensamento do Dias

  • O Brasil que funciona

    Publicado por: • 11 ago • Publicado em: O Brasil que funciona

    *IMP 10082020 Banrisul BanrifastBanrisul lançou, nesta segunda-feira (10), a pulseira BanriFast, que permite realizar pagamentos por aproximação nas maquininhas com a tecnologia indicada pelo ícone das quatro ondas. O dispositivo é vinculado aos cartões de crédito Banrisul e utiliza o processo contactless payment (pagamento sem contato), que funciona com a tecnologia NFC – Near Field Communication (Comunicação por Campo de Proximidade). Além de rápido e prático, o pagamento com a pulseira terá os mesmos padrões de segurança que o realizado com cartões de crédito que possuem chip. A senha será exigida somente nas compras acima de R$ 50,00.

     *Após pleito da OAB/RS, novos serviços do INSS Digital são divulgados. A Superintendência Sul do INSS atendeu ao pedido da OAB/RS sobre a necessidade da ampliação dos serviços do INSS Digital e divulgou uma lista com os novos serviços que estarão disponíveis no sistema a partir do dia 11 de agosto (terça-feira). Veja a lista completa de serviços do INSS Digital aqui 

    Entre as novas possibilidades, destacam-se: os serviços de: manutenção, a solicitação de isenção de imposto de renda, a solicitação do acréscimo de 25% na invalidez, bem como a inclusão do auxílio-acidente – que foi uma luta da OAB/RS, sendo inclusive um pedido do Colégio de Presidentes da Comissão de Seguridade Social do RS.

    *Dia 11/08, será realizada videopalestra sobre o tema “Expectativas e realidade no processo de adoção”, pela psicanalista Renata Viola Vives, no Grupo de Estudos de Direito de Família do IARGS. 
    Dentre as lives desta semana, destaque também para a que acontece na quarta-feira, às 12h do Grupo de Estudos de Direito Tributário do IARGS.
    Live Alice e Roque- 12 de agosto
    Videopalestra Renata Viola Vives

    Publicado por: Nenhum comentário em O Brasil que funciona