Os perigos elétricos

23 out • Usos & CostumesNenhum comentário em Os perigos elétricos

O Rio Grande do Sul registou, de janeiro a agosto de 2018, R$ 59 milhões em indenizações referentes ao seguro residencial. Destes, 54% correspondem a prejuízos de danos elétricos, 24% de incêndios e 22% de vendavais. “Em se tratando de danos elétricos, os sinistros mais comuns envolvem curto-circuito com secador de cabelo, explica o vice-presidente do Sindicato das Seguradoras do RS (SINDSEGRS), Alberto Muller.

Secou demais

Lembro de uma corrida de Fórmula Indy nos Estados Unidos que teve que ser interrompida devido a um curto que derrubou toda a rede elétrica do autódromo. O falecido Luciano do Vale, da TV Band, explicou que a causa foi um secador de cabelo usado por uma repórter.

O lado escuro da Lua

Assim como existe a chave mestra para abrir várias fechaduras, o diálogo interpessoal também tem a sua. Quando você despeja alguma situação invulgar ou difícil nos ouvidos do outro, a abre-tudo entra em ação e diz a palavra tamanho único.

– É complicado…

Papo de rua

Caso você caminhe atrás de duas ou mais garotas em ambiente propício, digamos na Rua da Praia, é questão de tempo para captar uma outra chave-mestra, uma espécie de ata da assembleia:

– Aí, eu garrei e disse pra ele…

Tamanho único

A expressão “é complicado” substituiu outra muito comum no passado recente. Era bem mais abrangente, porque havia mais cumplicidade. O outro esperava uma pausa na conversa para desferir uma flecha ligeira:

-Pior que é…

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

FacebookTwitter

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »