O quack do pato

9 nov • A Vida como ela foi1 comentário em O quack do pato

imagens de dois patos reais nadando

Eis uma lista das coisas que você não pode morrer sem saber. O nome completo do Pato Donald, por exemplo, é Donald Fauntleroy Duck; em 1997, as linhas aéreas americanas economizaram US$ 40 mil eliminando uma azeitona de cada salada; uma girafa pode limpar suas próprias orelhas com a língua; comer uma maçã é mais eficiente do que tomar café para se manter acordado; as formigas se espreguiçam pela manhã quando acordam.

As escovas de dentes azuis são mais usadas do que as vermelhas; ninguém consegue lamber o próprio cotovelo, é impossível tocá-lo com a própria língua; só um alimento não se deteriora: o mel; um terço de todo o sorvete vendido no mundo é de baunilha; o olho do avestruz é maior do que seu cérebro.

Os destros vivem, em média, nove anos mais do que os canhotos; o “quack” de um pato não produz eco, e ninguém sabe porquê; é impossível espirrar com os olhos abertos; aproximadamente 70% das pessoas que leem este texto tentam lamber o cotovelo.

One Response to O quack do pato

  1. felipe disse:

    Gostei muito do que li aqui no seu site.Estou estudando o assunto,Mas quero agradecer por que seu texto foi muito valido. Obrigado :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »