O feitiço do tempo

30 jun • Caso do DiaNenhum comentário em O feitiço do tempo

Antes do surgimento do jornal Valor Econômico, a Gazeta Mercantil reinou soberana neste segmento sob o comando de Herbert Levy e depois do seu filho Luiz Fernando. Herbert, que também foi senador da República. Por uma série de circunstâncias que não vem ao caso, a GM parou de circular há sete anos, mas agora ressurge sob nova direção. Um grupo de investidores e empresários do setor de TI comprou a marca lança em formato digital a Gazeta Mercantil Experience.

Esse negócio de marca de jornal e, por extensão, de qualquer empresa, é curioso. Tendemos a achar que nomes de jornais antigos valem milhões, assim como se dizia que só a marca Varig valia US$ 2 bilhões mesmo quando seus aviões já não voavam mais. Nada disso. Ela podia valer isso enquanto estava voando, e mesmo assim juntando todo seu patrimônio menos o passivo. Jornal é a mesma coisa. Quanto valeria hoje o nome Folha da Tarde, da antiga Caldas Júnior? Zero.

Há um interessante mecanismo psicológico aí. Os saudosistas querem a volta do passado, do qual o jornal foi testemunha. Ou seja, o desejo de voltar a ser jovem. Caso fosse relançada, a Folha da Tarde não atrairia os jovens que não a conheceram e os que viveram na época do apogeu do jornal ficariam desiludidos após meia dúzia de edições.

Não voltaram ao passado, no final das contas.

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

FacebookTwitter

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »