Meninos, eu vi

20 mar • NotasNenhum comentário em Meninos, eu vi

 Durante minha longa carreira, já vi quebrar uma dúzia ou mais de grandes grupos de comunicação, redes de TV, jornais, revistas que durante um tempo razoável ou longo ficaram na crista da onda. Na maioria, má gestão, equívocos gerenciais, erros de leitura de tendências de mercado não foram as causas. Foram consequências da soberba, embutida principalmente nos seus profissionais. A soberba é a maior destruidora que existe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »