Homenagem em vida

27 nov • Caso do DiaNenhum comentário em Homenagem em vida

hOMENAGEM EM VIDA É DEFENDIDA POR FERNANDO ALBRECHT

 Achei bonito o assunto que segue, porque é uma daquelas coisas que todos falam, mas ninguém pratica: homenagear pessoas que se destacaram ainda em vida e não depois de mortas. Na próxima quinta-feira, dia 30, a Universidade Feevale homenageará o ex-funcionário Lauro Backes, conhecido como “Tio Lauro”, colocando o seu nome no Laboratório de Anatomia Humana.

 Parte da trajetória profissional de Lauro Backes, hoje com 78 anos, esteve ligada à Instituição, onde atuou de forma exemplar, por quase 42 anos.

 Pois é. Se defunto pudesse reclamar ao vivo e a cores, não gostaria nada de virar nome de rua em um subúrbio qualquer onde Judas bateu as botas. Já digo de antemão, não me venham com lantejoulas enviando convites para amigos e imprensa para dizer que vou ser nome de rua. Para ser franco, nem que rebatizassem a Rua da Praia com meu nome.

  Entre outros motivos, é difícil alguém pronunciar certo meu sobrenome. Então eu vou lá querer passar a eternidade ouvindo Albrechete, Albrece, Albresh e variações? Deus m’olivre!

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

FacebookTwitter

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »