E tem a outra

11 jan • NotasNenhum comentário em E tem a outra

O humorista José Vasconcelos contava uma piada velhinha que lembra os quindins do Claudiomiro. Um alemão chegou ao Brasil sem falar nada de português, não sabia nem o pedir no restaurante. Ouviu alguém falar “feijoada”, então chamou o garçom e falou “feichoóda”. Como não aprendeu outro nome de comida, passou um mês comendo feijoada, não aguentava mais nem ver o prato.

Certo diz, ouviu um casal na mesa ao lado pedir sanduíche. Chamou o garçom e pediu “santuítche”. O cara da bandeja perguntou se ele queria o sanduba “quente ou frio”. E o teuto repetindo “santuítche”. Exasperado, o garçom voltava a perguntar se ele queria o sanduba quente ou frio. O alemão desistiu.

– Feichoóda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »