Copa…

9 jul • Caso do DiaNenhum comentário em Copa…

Estranho partido o PT. Há anos que os “puros” advertem que o partido abandonou as causas fundamentais, que descambaram para causas fundamentalistas no decorrer dos tempos. Depois veio o pragmatismo de Lula I e Único e sua aliança com a alta burguesia. E lá se foi o boi com corda e tudo. Nenhuma nova liderança expressiva apareceu na floresta petista. Como imensa copa, nada cresceu abaixo da árvore lulista.

…E COZINHA

Mesmo os puristas gaúchos do partido da estrelinha que criticavam Lula por ter feito as tais alianças espúrias e ter abandonado o povão, não viam outro remédio senão deixar Lula reinar. Mesmo agora, dentro da prisão. Nem força eles têm para mudar o jogo. Foi então que o ensaio de um novo PT focou as minorias que fazem barulho. Ora, povão não curte tanto assim estas minorias. Mas há algo a ressalvar: mesmo no auge da popularidade nunca se viu ou se viu poucas bandeiras com estrelinha nas vilas. O PT dos anos 1990 empolgava a classe média até o encanto sumir.

APRÈS MOISA, LE DÉLUGE

Assim como Leonel Brizola sufocou o PDT ao não deixar promessas trabalhistas vicejarem, Lula vem sufocando o PT. Tanto que, tirando Fernando Haddad e mesmo assim olhe lá, não apareceram novos nomes capazes de galvanizar o eleitorado. Mesmo e talvez principalmente no Rio Grande do Sul, cuja única esperança de renovação era o ex-prefeito de Canoas Jairo Jorge, a quem torpedearam a meia nau. Os nomes que constituem o Politburo são os mesmos dos anos 1980/90. Nada de novo no front estrelado.

O SUCESSO DO ELECTRA

A ponte aérea Rio-São Paulo comemorou 60 anos na última sexta-feira. Operado pela Varig até o amargo fim – outra estrela cadente – os quadrimotores turboélices Electra não tiveram um só acidente, salvo um pequeno incidente durante o táxi do hangar até a cabeceira. Pelo que sei, o Lockheed Electra só tinha um problema sério, a parte elétrica, que devia estar em constante revisão.

EMPATE

Pesquisa Datafolha divulgada ontem: 33% aprovam e 33% desaprovam. Empate. Pelo barulho de alguns veículos de comunicação, tinha-se a sensação que os que desaprovam teria maioria folga pra mais de metro.

TUDO DEPENDE

Jair Bolsonaro foi mais vaiado que aplaudido na Final da Copa América ou o contrário? Jamais saberemos. Quem vaia ou aplaude não tem como saber porque sua voz abafa a manifestação contrária. E na TV depende do local em que está para tirar a teima. Então cada um que narra ou escreve emite seu juízo.

MAROLINHAS DE FRIO

A julgar pelo que dizem os meteorologistas, a onda de frio que se abateu sobre o Rio Grande do Sul foi o último deste inverno. Ainda teremos algumas marolinhas mas nada igual à que passou. Coisa do El Niño. Mas o que vem a ser frio, cara pálida? O seu frio é o mesmo que o meu?

OS REFRATÁRIOS

Frio, no meu entender, é quando a máxima não passa de 9 graus de dia. SE for com os ventos Pampeiro e Minuano pela cola, teremos sensações térmicas abaixo de 5 graus Celsius. Tem gente que tirita tão logo os termômetros caiam para 12 ou 13 graus. Não é meu caso, eu gosto do frio.

VOX POPULI

Sempre com um viés malicioso, o povo diz que frio é suportável quando se tem um cobertor de orelha. O problema é que o tal cobertor de orelha gosta de ficar entre o que o deseja e o colchão. Esse o conflito. Se bem que depois de uns 15 minutos tudo emparelha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »