Cerimônia de casamento

29 fev • NotasNenhum comentário em Cerimônia de casamento

Tudo mundo, até o início dos anos 1970, casava com direito à noite de núpcias no hotel Plazinha Porto Alegre e passava a lua de mel ou no Parque Samuara, em Caxias do Sul, ou em um dos poucos hotéis de Ana Rech, também perto de Caxias do Sul. Quando digo todo mundo era a classe média para cima. Casava-se às sextas. O cardápio de casamento must era strogonoff, mais tarde desbancado pelo fricassé de galinha. Ambos um tiquinho só acima do sabor do cachorro-quente completo, daqueles que botam até bolota de cinamomo.

Assim era a vida naqueles tempos, como dizia Jesus para o repórter do Novo Testamento. A Igreja variava, mas era de bom tom casas na São José ou na N.S. Conceição, na Independência. Após o casamento civil e religioso, o comportamento das gentes na festa no Plazinha variava pouco. O pai da noiva ficava tenso e depois da segunda dose de uísque ou taça de champã se soltava. A noiva saída do estágio de quase-pânico para o deslumbramento. O noivo contava piada besta. Era obrigatório rir de piada do noivo.

Um dos irmãos da noiva passava mal porque bebia demais e vomitava no banheiro. As velhotas, a começar pela avó dos nubentes, abriam as bolsas nem sempre de forma discreta e despejavam docinhos e salgadinhos, como se falava naqueles tempos.

A certa altura, formavam-se grupos em mesas dos amigos do noivo e parentes dos recém-casados. Dez entre dez convidados faziam alguma piadinha sexual para os noivos quando eles deixavam discretamente a festa rumo à suíte nupcial no quarto andar, besteiras tipo aí hein, desta vez vai afogar o ganso hahaha!! Transava-se de luz apagada, então.

Ah sim: o hotel de Ana Rech era conhecido como o cemitério das virgens.

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

FacebookTwitter

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »