A primeira mulher de Adão

19 ago • Caso do Dia2 comentários em A primeira mulher de Adão

lilith-largeSempre me encanzinei com uma história antiga de que Eva foi a segunda mulher de Adão, a primeira teria sido Lilith.  Não sei onde li, mas certamente foi em algum texto sacrílego, porque ao comentar Lilith com um Irmão Marista nos tempos de colégio, o santo homem me ameaçou com as chamas vorazes do inferno. Mas ecziste, como dizia o seu Gutterman.

O que eu sabia era que ela era desbocada, contestava a autoridade do macho e o machismo e gostava muito de sexo não-procriador – a gravura de John Collier (1892) me dá razão. Ou seja, ela só pensava naquilo. Recorrendo aos alfarrábios e aos préstimos do rabino porto-alegrense Shmuel,  fiquei sabendo que Lilith foi uma deusa adorada na Mesopotâmia com ventos e tempestades.

Lilith aparece como um demônio noturno na crença tradicional judaica e islâmica como a primeira mulher do personagem bíblico Adão, sendo que, em uma passagem (Patai 81: 455f), ela é acusada de ser a serpente que levou Eva a comer o fruto proibido – meu Deus, o velho Adão curtia um mènage  à trois? A afirmação de que Lilith foi a predecessora de Eva, no entanto, surge apenas pela primeira vez no Alfabeto de Bem-Sira composto por volta do Século VII.

Agora vem a parte mais interessante. A  Cabala, sistema filosófico-religioso judaico de origem medieval, refere-se a Lilith como uma mulher tão poderosa que virou conselheira de Deus, que não faria nada sem consultá-la. Faz todo sentido, não?

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

FacebookTwitter

Artigos Relacionados

2 Responses to A primeira mulher de Adão

  1. Harry Fockink disse:

    Faz todo o sentido! Nas bem sucedidas empresas familiares sempre foi assim. Com destaque para as pertencentes a integrantes da etnia hebraica. Sempre tem uma iídiche mame que manda em quem parece que manda.

  2. Reni disse:

    Fernando a Lilith demostrou que as mulheres são mesmo muito ciumentas. Ela morria de inveja da Eva!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »