A medida do cowboy

5 mar • A Vida como ela foiNenhum comentário em A medida do cowboy

  O presidente da distrital de Nova York do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA), William Dudley, afirmou que, mesmo que a instituição decida elevar os juros quatro vezes neste ano, ainda estaria sendo “gradual”. Para ele, oito elevações sim seria algo mais agressivo. Bom, cada um tem lá suas medidas, e o compositor e cantor Tom Jobim tinha a sua.

  Certa vez, quis reformar e ampliar sua casa no Jardim Botânico, Rio de Janeiro, mas principalmente queria um pé-direito bem mais alto, o que requeria uma engenharia mais elaborada, já que a casa ficava numa encosta.

  – Mais alta quanto, quantos metros? – perguntou o engenheiro.

  Tom ficou na dúvida, ele não conseguia traduzir em metros a altura pretendida. Depois de algum tempo sem que ele conseguisse explicar, desistiu e fez outra abordagem e a transmitiu ao engenheiro.

  – Imagina esta cena: eu montado num cavalo alto no meio da sala, sofrenando o bicho até ficar com as patas dianteiras bem no alto, e eu girando aquele chapelão Stetson usados pelos cowboys do Texas bem acima da minha cabeça, até onde o braço estica.

  Fez uma pausa.

  – Entendeu a altura que quero de pé-direito.

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

FacebookTwitter

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »