A idade enganada

15 ago • A Vida como ela foiNenhum comentário em A idade enganada

Perguntaram a um sujeito rico de 80 anos como conseguiu se casar de papel passado com uma moça de 20 anos. Ele respondeu, eu menti a idade. Disse-lhe que tinha 90 anos. A história, contada pelo vereador Guilherme Socias Villela, 81, leva à famosa reflexão, como aumentar a idade nos homens agrada às mulheres caçadoras de gordas pensões e como aumentar a idade das mulheres é um convite à briga.

Um amigo que era gerente de vendas de uma grande revenda de automóveis em Porto Alegre passou por essa prova. Natural, porque vendedor de carro tem que ter olho vivo, raciocínio rápido e cara de pau de mogno.

Certa vez, uma cliente encomendou um zerinho e pediu uma placa personalizada com o ano que ela nasceu.  No dia aprazado, ela foi pegar o possante e levou um susto quando viu a placa, susto que se transformou em indignação. Pela placa, ela tinha nascido 10 anos antes, o gerente tinha fornecido a data errada para o despachante. Pior é que ela tinha espalhado para todo bairro.

– Mas como é que o senhor me apronta essa? O que minhas amigas e amigos do meu marido vão achar? Meu Deus, vão dizer que já virei balzaquiana, credo!

– A senhora não se preocupe   – acudiu o pressuroso vendedor. – Eles vão dizer “mas como ela está conservada para a idade que tem”.

A duras penas ela se convenceu. Até o dia em que ela ouviu em uma festa um amigo do marido falando dela para um vizinho.

– Tá rodada, mas ainda dá um caldo.

Fernando Albrecht é jornalista e atua como editor da página 3 do Jornal do Comércio. Foi comentarista do Jornal Gente, da Rádio Band, editor da página 3 da Zero Hora, repórter policial, editor de economia, editor de Nacional, pauteiro, produtor do primeiro programa de agropecuária da televisão brasileira, o Campo e Lavoura, e do pioneiro no Sul de programa sobre o mercado acionário, o Pregão, na TV Gaúcha, além de incursões na área executiva e publicitário.

FacebookTwitter

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »