O enigma verde

15 dez • NotasNenhum comentário em O enigma verde

Entre modelo-credito-da-foto-albrecht-2tantos mistérios que a vã filosofia não explica está neste belo filé com risoto de não-sei-o-quê, mas estava bom. Identifiquei alguns espécimes ainda jovens, natos quase, de cogumelos. Vejam só, quando era moleque jamais imaginaria que um dia comeríamos cogumelos, porque o único que eu conhecia era da espécie Chapéu de Cobra, mais venenoso que conversa de comadre de cidade pequena. O que é o estudo.

Eu sempre me pergunto por que cargas d’água cai um galho de árvore em prato mais elaborado. Olhem esse aí, atravessado. Às vezes acho que Chefs preparam o prato debaixo de árvores frondosas, então sempre cai algo. Ou então posso estar redondamente enganado, não é galho, é apenas um fio dental ecologicamente correto.

É, pode ser.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »