Presidente Garotinho

14 set • A Vida como ela foiNenhum comentário em Presidente Garotinho

 O ex-governador do RJ Anthony Garotinho (PR) foi condenado por crimes eleitorais, e ontem foi preso para cumprir prisão domiciliar com direito a tornozeleira eletrônica. Ele está proibido de usar celular e de dar entrevistas. Não é o primeiro processo que Garotinho enfrenta. A ironia é que, agora, ele foi investigado pela Operação Chequinho, Garotinho, chequinho, esse rapaz não cresce nunca?

 Mas é para ver as voltas que o mundo dá. Em 2002, Anthony Garotinho se lançou à Presidência da República pelo PSB e borboleteou Brasil afora para divulgar sua plataforma de governo. Em Porto Alegre, convidou-se para um almoço na Farsul (Federação da Agricultura do RS) e deitou falação.

 Prometeu mundos e fundos para uma plateia já curtida por promessas vãs. Especificamente, prometeu subsidiar 100% a agricultura brasileira. Era ideia tão mirabolante que o próprio presidente da entidade cortou sua fala.

 – Espera aí, Garotinho, isso é completamente impossível. Quem sabe se o porcentual fosse muuuito mais baixo, a gente podia entender.

 Anthony mudou de assunto. Imagina se fosse eleito.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

« »